Vol.
41

122
2015

Envelhecimento, emprego e remunerações nas regiões portuguesas: uma análise shift-share

Paula Albuquerque, João Ferreira

Resumen

O elevado ritmo de envelhecimento da população portuguesa conduzirá à redução da população em idade de trabalhar e aumentará a proporção dos trabalhadores mais velhos na força de trabalho. Embora se trate de uma tendência nacional, o fenómeno demográfico agregado pode ocultar diferentes dinâmicas nas várias regiões, que importa revelar. Neste trabalho, analisa-se a diferenciação do nível de envelhecimento da força de trabalho das diversas regiões entre 1989 e 2009, através de uma análise shift-share que permite separar o efeito nacional (crescimento macroeconómico), o efeito proporcional (crescimento setorial), e o efeito diferencial (ou especificamente regional). Analisa-se também a evolução do prémio salarial etário no conjunto da economia e nas suas várias regiões e quantifica-se o impacto das alterações na estrutura educativa dos dois grupos etários aqui estudados, os trabalhadores com menos de 55 anos e os trabalhadores mais idosos.


Texto completo: ] PDF [ ] HTML (Português (Brasil)) [

  • APA
  • MLA
  • Como citar este artículo
Albuquerque, P., & Ferreira, J. (2015). Envelhecimento, emprego e remunerações nas regiões portuguesas: uma análise shift-share. Revista EURE - Revista de Estudios Urbano Regionales, 41(122). Recuperado de
Albuquerque, Paula, & João Ferreira. "Envelhecimento, emprego e remunerações nas regiões portuguesas: uma análise shift-share." Revista EURE - Revista de Estudios Urbano Regionales [Online], 41.122 (2015): s. p. Web. 25 oct. 2021